Revista Aposta (Preload)

Edição:

Partilhar

Jovem angolano almeja criar um centro comunitário para primeiros socorros

O jovem angolano Dinis Francisco, empreendedor e palestrante desde 2017 tem, em carteira, um projecto que visa a criação de um Centro comunitário para primeiros socorros com o intuito de garantir o melhor acesso nas comunidades.

Jovem angolano almeja criar um centro comunitário para primeiros socorros

Francisco acredita que o desenvolvimento que queremos verificar nas nossas comunidades angolanas só será alcançado se a juventude ganhar consciência da necessidade de ser, ela mesma, a responsável da promoção desse mesmo desenvolvimento. Para tal, segundo afirma Francisco, é necessário que a juventude seja capaz de identificar problemas e criar as soluções ou possíveis soluções para a sua resolução, fazendo um pouco a cada dia para a mudar a realidade.

 

Francisco é, actualmente, estudante do curso de Direito na Universidade Técnica de Angola (UTANGA), tendo iniciado, oficialmente, a sua trajectória como palestrante em 2019, nas Mediatecas de Luanda, abordando temas ligados à oratória, retórica e as diversas técnicas de falar ao público, desenvolvimento pessoal e outros. Antes disso, Francisco já se destacava na organização juvenil da sua congregação religiosa, onde abordava temas ligados a sociedade.

 

Ávido em ajudar no desenvolvimento da sua comunidade, Francisco entrou em colaboração seus amigos Josemar João e Antónia Martina e criaram, em 2018, um projecto denominado Mentes Sonhadoras voltado para a formação profissional ligadas ao desenvolvimento pessoal e profissional da juventude.

 

Dinis Francisco defende a necessidade de se abraçar e lutar por uma causa e lança o apelo a juventude a estarem comprometidas com o desenvolvimento das comunidades. Só assim se torna o nosso município mais limpo, com o menor índice de criminalidade, mais transparente, menos corrupto e mais organizado.